Páginas

sábado, 12 de abril de 2008

CPIs cartões corporativos

Concordo com o leitor Rubens sobre a inutilidade para o bem público as discussões que se travam nestas atuais CPIs. Todos sabemos que a motivação é eleitoreira. Estes episódios dos cartões corporativos devem ser tratados como questão administrativa que é. Existem procedimentos e limites para o seu uso que já são verificados pelos órgãos competentes. Deveríamos então - todos os que concordam, escrever para nossos deputados e senadores eleitos, alertando-os para o que estamos vendo. E cobrar também deles a transparência necessária. Sabemos que eles sabem disso, mas nunca é demais aumentar essa pressão. Pois a "sociedade civil organizada" só se manifesta quando lhe convém, e, por isso, as pessoas comuns devem manifestar-se sempre que puderem.